Uso de tecnologias móveis possibilita igualdade de condições e oportunidades para crianças com Trissomia 21

Uso de tecnologias móveis possibilita igualdade de condições e oportunidades para crianças com Trissomia 21

uso tecnologias

A organização brasileira, Movimento Down, partilhou um post sobre as vantagens educativas da utilização de tablets como ferramenta de estimulação para crianças com Trissomia 21 (Síndrome de Down) e selecionou um conjunto de apps educativas, para iPad (dispositivo da marca Apple) e Android.

De uma forma geral consideram que os dispositivos móveis tendo em conta as suas características (portabilidade e interatividade) tem a vantagem de permitir a estimulação simultânea dos diversos canais sensoriais visual, auditivo e tátil.

Que com a utilização de tablets foi possível verificar nas crianças com Trissomia 21, estimulação do desenvolvimento cognitivo, da fala e linguagem, da percepção auditiva e visual bem como um maior controlo da atenção (repercussões positivas ao nível dos processos de memorização e de aprendizagem).

Foi observado, nas crianças com Trissomia 21, uma maior facilidade na aquisição de conceitos básicos como cores, animais, frutas, formas… E uma motivação acrescida em tarefas de nomeação e categorização.

As crianças com Trissomia 21, ficam tão motivadas, por interagir com os dispositivos móveis que aderem com mais entusiasmo a tarefas mais exigentes, como por exemplo, a aprendizagem das letras do alfabeto.

O facto da motivação das crianças aumentar condiciona muito o seu sucesso e de forma indirecta encoraja todos os intervenientes a investir mais no seu processo de ensino-aprendizagem (pais, professores, terapeutas).

Terminam, concluindo que a utilização de Tecnologias em Educação promove igualdade de condições e oportunidades para todas as crianças.

Para ver o post original ou descobrir as apps sugeridas pelo Movimento Down, pode clicar aqui

/home/wpcom/public_html/wp-content/blogs.dir/aff/69388537/files/2015/01/img_0142.png

Partilhar isto:Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+